Arquivo da categoria: Cinema

Magnum e os 25 anos

Um momento de prazer intenso embrulhado em fita feminina, com aroma a chocolate, e selada com um carimbo de glamour é tão semelhante à memória de 25 anos de celebração da existência da Magnum. Uma marca desde já conceituada, representa um desejo de satisfação, uma necessidade bombástica de experimentar novas sensações e conhecer o que poderá surgir na nova embalagem a lançar. Magnum, em 25 anos, cresceu com uma base aromatizada de baunilha, cobriu-se numa adolescência com amêndoas doces e chocolate delicioso e amadureceu com um ligeiro sabor a menta e frutos do bosque. Imaginar uma celebração desta marca é semelhante a desenhar um sonho com o paladar, como o que fazemos sempre que desembrulhamos mais um gelado de topo.

Globos de Ouro 2014 (Votação)

As galardoações aos melhores estão prestes a ser iniciadas já com o decorrer dos Globos de Ouro, no próximo domingo, dia 12 de janeiro!

Já conhecidos os nomeados, gostaríamos que os nossos fãs participassem na votação para nos ajudarem a conhecer, afinal, quais foram os filmes, atores e atrizes favoritos do público dos filmes já lançados e respetivamente nomeados!

golden-globes-trophies-banner-620x322

O fã que mais se aproximar da lista de premiados será contemplado com um convite duplo para a nossa próxima ante-estreia!

Para te habilitares basta comentares no nosso Facebook, na publicação relativa aos Globos de Ouro (aqui), quais as tuas apostas nas respetivas categorias, até dia 12 de janeiro, domingo, às 20h.

Melhor filme (drama)
12 Years a Slave
Captain Phillips
Gravity
Philomena
Rush

Melhor ator (drama)
Chiwetel Ejiofor,12 Years a Slave
Idris Elba, Mandela: Long Walk to Freedom
Tom Hanks, Captain Phillips
Matthew McConaughey, Dallas Buyers Club
Robert Redford, All is Lost

Melhor atriz (drama)
Cate Blanchett, Blue Jasmine
Sandra Bullock, Gravity
Judi Dench, Philomena
Emma Thompson, Saving Mr. Banks
Kate Winslet, Labor Day

Melhor realizador
Alfonso Cuaron, Gravity
Paul Greengrass, Captain Phillips
Steve McQueen, 12 Years a Slave
Alexander Payne, Nebraska
David O. Russell, American Hustle

Melhor argumento (cinema)
Spike Jonze, Her
Bob Nelson, Nebraska
Jeff Pope Steve, Philomena
John Ridley, 12 Years a Slave
David O. Russell and Eric Singer Warren, American Hustle

Melhor filme (musical, ou comédia)
American Hustle
Her
Inside Llewyn Davis
Nebraska
Wolf of Wall Street

Melhor ator (musical, ou comédia)
Christian Bale, American Hustle
Bruce Dern, Nebraska
Leonardo DiCaprio, Wolf of Wall Street
Oscar Isaac, Inside Llewyn Davis
Joaquin Phoenix, Her

Melhor atriz (musical, ou comédia)
Amy Adams, American Hustle
Julie Delpy, Before Midnight
Greta Gerwig, Frances Ha
Julia Louis-Dreyfus, Enough Said
Meryl Streep, August: Osage County

Melhor filme de animação
The Croods
Despicable Me 2
Frozen

Melhor filme de língua estrangeira
A Vida de Adéle (França)
La Grande Bellezza (Itália)
A Caça (Dinamarca)
O Passado (Irão)
The Wind Rises (Japão)

Melhor ator secundário (cinema)
Bradley Cooper, American Hustle
Michael Fassbender, 12 Years a Slave
Jared Leto, Dallas Buyers Club
Daniel Bruhl, Rush
Barkhad Abdi, Captain Phillips

Melhor atriz secundária (cinema)
Sally Hawkins, Blue Jasmine
Jennifer Lawrence, American Hustle
Lupita Nyong’o, 12 Years a Slave
Julia Roberts, August: Osage County
June Squibb, Nebraska

Melhor banda sonora (cinema)
All Is Lost – Alex Ebert
Mandela: Long Walk to Freedom – Alex Heffes
Gravity – Steven Price
The Book Thief – John Williams
12 Years a Slave – Hans Zimmer

Melhor canção original (cinema)
“Atlas,” The Hunger Games: Catching Fire
“Let It Go,” Frozen
“Ordinary Love,” Mandela: Long Walk to Freedom
“Please Mr. Kennedy,” Inside Llewyn Davis
“Sweeter Than Fiction” One Chance

Melhor série de televisão (drama)
Breaking Bad
Downton Abbey
The Good Wife
House of Cards
Masters of Sex

Melhor atriz (televisão | drama)
Julianna Margulies, The Good Wife
Tatiana Maslany, Orphan Black
Taylor Schilling, Orange is the New Black
Kerry Washington, Scandal
Robin Wright, House of Cards

Melhor ator (televisão | drama)
Bryan Cranston, Breaking Bad
Liev Schreiber, Ray Donovan
Michael Sheen, Masters of Sex
Kevin Spacey, House of Cards
James Spader, The Blacklist

Melhor série de televisão (comédia)
The Big Bang Theory
Brooklyn Nine-Nine
Girls
Modern Family
Parks and Recreation

Melhor atriz (televisão | comédia)
Zooey Deschanel, New Girl
Edie Falco, Nurse Jackie
Lena Dunham, Girls
Julia Louis Dreyfus, Veep
Amy Poehler, Parks and Recreation

Melhor ator (televisão | comédia)
Jason Bateman, Arrested Development
Don Cheadle, House of Lies
Michael J. Fox, The Michael J. Fox Show
Jim Parsons, The Big Bang Theory
Andy Samberg, Brooklyn Nine-Nine

Melhor minissérie ou filme para televisão
American Horror Story: Coven
Behind the Candelabra
Dancing on the Edge
Top of the Lake
White Queen

Melhor atriz (minissérie ou filme para televisão)
Jessica Lange, American Horror Story: Coven
Helena Bonham Carter, Burton and Taylor
Rebecca Ferguson, The White Queen
Helen Mirren, Phil Spector
Elisabeth Moss, Top of the Lake

Melhor ator (minissérie ou filme para televisão)
Matt Damon, Behind the Candelabra
Michael Douglas, Behind the Candelabra
Chiwetel Ejiofor, Dancing on the Edge
Idris Elba, Luther
Al Pacino, Phil Spector

Melhor atriz secundária (minissérie ou filme para televisão)
Jacqueline Bisset, Dancing on the Edge
Janet McTeer, The White Queen
Hayden Panettiere , Nashville
Monica Potter, Parenthood
Sofia Vergara, Modern Family

Melhor ator secundário (minissérie ou filme para televisão)
Josh Charles, The Good Wife
Rob Lowe, Behind the Candelabra
Aaron Paul, Breaking Bad
Corey Stoll, House of Cards
Jon Voight, Ray Donovan

PASSATEMPO ANTE-ESTREIA “JACK RYAN: AGENTE SOMBRA”

Jack-Ryan-Agente-Sombra-poster-1

GÉNERO: Ação / Aventura / Thriller | TÍTULO ORIGINAL: Jack Ryan: Shadow Recruit | BASEADO NAS PERSONAGENS CRIADAS POR: Tom Clancy | REALIZAÇÃO: Kenneth Branagh | ELENCO: Chris Pine, Keira Knightley, Kevin Costner e Kenneth Branagh

Sinopse –  Esta nova aventura baseada nas conhecidas personagens do escritor Tom Clancy, apresenta Jack Ryan (Chris Pine), um analista financeiro de Wall Street, recrutado por William Harper (Kevin Costner) com o intuito de investigar o terrorismo financeiro a nível global. Quando um acontecimento que ameaça a Economia Americana é descoberto, Jack tem de se aventurar, viajando para Moscovo para confrontar Viktor Cherevin (Kenneth Branagh), um empresário russo que se encontra por detrás de toda a trama.

A NGE, numa parceria com a Zon Audiovisuais, tem para te oferecer convites duplos para a ante-estreia do filme “JACK RYAN: AGENTE SOMBRA”, no dia 29 de janeiro, pelas 21.30h em:

– LISBOA, ZON LUSOMUNDO COLOMBO

– PORTO, ZON LUSOMUNDO NORTESHOPPING

– BRAGA, ZON LUSOMUNDO BRAGA PARQUE

– COIMBRA, ZON LUSOMUNDO FÓRUM COIMBRA

Para te habilitares a um destes convites duplos terá de preencher corretamente o formulário abaixo com os teus dados pessoais, respondendo a uma pergunta sobre o filme e ser fã da NGE no Facebook (critério eliminatório).

O passatempo decorre até dia 27 de janeiro às 23.59h. Os vencedores serão contactados via e-mail e anunciados na página.

Vencedores NGE

Passatempo Jack Ryan: Agente Sombra

LISBOA

– Eunice Soares*

– Carla Silva Pinheiro

– Ana Mafalda Nogueira

PORTO

– Júlio Miranda*

– Alexandre Cardoso

– Catarina Soares

BRAGA

– Rúben Oliveira*

– Carla Abreu

– Elvira Delgado Barros

COIMBRA

– Ana Simões Rodrigues

– Dina Gonçalves

– Mari Lúcia Simões

www.JackRyan-ofilme.pt

“Insidious: Capítulo 2” em análise

Depois de Insidious (2010/1), o mundo do horror ganhou uma nova linha de ideias. O realizador James Wan, famosíssimo pelo seu contributo na história do terror pelo mundo inteiro, através de Saw (2004), desenha-nos uma nova imagem do que o terror psicológico pode ser – sem envolver cenas demasiado sangrentas e enjoativas ao ponto de um cinéfilo querer parar de ver um filme.

Contudo, e para mal dos pecados dos fãs de filmes de terror, sequelas dentro deste género implicam, normalmente, um único objetivo claro e específico: lucro. Enquanto Insidious nos trouxe um pouco da loucura de James Wan, uma nova ideia do que o psicológico pode representar na interpretação do sobrenatural, este segundo capítulo trouxe-nos apenas dissabores, risadas e, como ponto positivo para escapar à regra, uma caracterização incrível dos personagens que já havíamos visto no título anterior.

Patrick Wilson continua incrível dentro do seu personagem, Josh Lambert. Posso até dizer que preferi a sua encarnação neste segundo capítulo até porque lhe é dada uma relevância completamente diferente do anterior.

O Insidious de 2010/1 inside, maioritariamente, na compreensão do fenómeno que assola a família Lambert, inserindo-nos, mais para o final, num mundo de horrores e pesadelos que separa a vida da morte. Citando um dos personagens “um sítio onde só os mortos vivem e os vivos não querem passar”.

Bonecas com maquilhagem borrada e olhos com sede de morte, demónios sorridentes, diabos rasgando peles humanas, sons que causam arrepios, todos os pesadelos imagináveis foram inseridos numa das melhores cenas do cinema de horror o que, inevitavelmente, faria esperar o mesmo impacto num segundo capítulo.

Entre sustos baratos (mais causados pelos barulhos do público que pelo próprio filme), cenas non-sense, uma banda sonora demasiado forçada para nos obrigar a sentir que ali, exatamente naquele momento, é suposto sentirmo-nos assustados e um homem que se veste de noiva, venha o Diabo e escolha o pior.

Ainda assim… a caracterização de Patrick Wilson está soberba, tendo em conta a linha histórica do seu personagem, e sobressai entre uma Rose Byrne histérica e apagada, em relação ao primeiro filme.

É impossível ficar indiferente a Lin Shaye (a doce e destemida Elise Rainier). Se, antes, nos rimos da sua figura esquisita inserida numa máscara cujos tubos a faziam parecer uma mutante, desta vez temos a oportunidade de ver a atriz no seu próprio figurino, a tempo inteiro, tendo um papel ativo na trama chegando mesmo a afeiçoar-mo-nos a ela.

Em suma: os fãs do primeiro capítulo irão notar a diferença neste novo filme, acabando com a ideia de que foi realizado para fazer apenas mais uns trocos. É caso para perguntar: aguentam um terceiro filme?

Rating/NOTA: ★★★★☆☆☆☆☆☆

PASSATEMPO “JOGOS DA FOME: EM CHAMAS”

px5SsAVfn8qwiUH,EfhZZLI8_

FICHA TÉCNICA

  • Título Original: The Hunger Games: Catching Fire
  • Realizador: Francis Lawrence
  • Actores: Jennifer Lawrence, Josh Hutcherson, Elizabeth Banks, Liam Hemsworth, Sam Claflin, Willow Shields, Woody Harrelson, Jena Malone
  • Argumento: Simon Beaufoy, Michael Arndt
  • Pris | EUA | 2013 | Ação, Aventura, Ficção Científica | 146′

SINOPSE

“Os Jogos da Fome: Em Chamas” começa com o regresso a casa de Katniss Everdeen (Jennifer Lawrence) depois de ter vencido a 74ª edição anual dos Jogos da Fome, em conjunto com o colega tributo Peeta Mellark (Josh Hutcherson).
Ganhar significa deixar a família e os amigos para trás e embarcar numa digressão triunfal pelos distritos e Ao longo do caminho, a Katniss pressente uma rebelião a começar… Mas o Capitólio ainda tem tudo sob controlo, com o Presidente Snow a preparar a 75ª edição dos Jogos da Fome.

A NGE, numa parceria com a PRIS Audiovisuais, tem para te oferecer convites duplos para a ante-estreia do filme “OS JOGOS DA FOME: EM CHAMAS”, no dia 27 de novembro, pelas 21.30h em:

– LISBOA, UCI EL CORTE Inglés – sala 9

Para te habilitares a um destes convites duplos terá de preencher corretamente o formulário abaixo com os teus dados pessoais, respondendo a uma pergunta sobre o filme e ser fã da NGE e da Pris no Facebook (critério eliminatório).

VENCEDORES

– Soraia Pinto Peixoto
– Raquel Fernandes Luís
– Vera Lúcia Rodrigues Brandão
– Horácio Paulo
– Carlos Alberto Rosa Krithinas